Disque 100: denúncias de violência contra Idosos subiram 65% em 2013 no Brasil.

Durante o ano de 2013, casos de negligência, violência psicológica e abuso financeiro foram a maioria das denúncias feitas através do Disque 100, serviço gratuito de denúncias por telefone da secretaria de Direitos Humanos (SDH) da Presidência da República.
De acordo com os dados da SDH, filhos e netos são os principais agressores de idosos e as mulheres idosas são as principais vítimas. O número de denúncias cresceu 65,7% no último ano: foram 38.976, contra 23.523 em 2012.
O aumento pode ser justificado pela maior divulgação do serviço, que iniciou suas atividades em 2011, e também pelo aumento da conscientização da população a respeito da proteção ao idoso.
Dos 71.358 suspeitos de agressão, os filhos foram apontados como agressores em 36,6 mil denúncias (51,5% do total), já os netos estão entre os responsáveis por 5,9 mil casos (8,25%) e em sua grande maioria, as vítimas são do sexo feminino (28,3 mil, ou 64% dos casos).
Estas evidências podem refletir dados populacionais, como por exemplo a “Feminização” da Velhice: segundo o Censo de 2010, dos 20,6 milhões de habitantes idosos, 11,4 milhões são mulheres e 9,1 milhões, homens. Já em muitas famílias a dependência da renda do Idoso é outro ponto a ser considerado, uma vez que o Brasil é um dos países com maior cobertura previdenciária do mundo e em regiões mais vulneráveis economicamente, o Idoso passa a ser o único provedor de renda fixa, gerando conflito intrafamiliar.
No ranking de violência contra idosos, a negligência aparece na maior parte das denúncias (29,4 mil, equivalente a 75% do total), seguida pela violência a psicológica (citada 21.832 vezes, ou em 56% dos casos), abuso financeiro (16.796 mil, 43% dos casos) e violência física (10.803, 27,72%).

E você, conhece algum idoso que sofre violência? Denuncie! As denúncias podem ser anônimas, e o sigilo das informações é garantido, quando solicitado pelo demandante.

O que você precisa informar para registrar uma denúncia no Disque 100 ou diretamente na Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos:

  1. Quem sofre a violência? (Vítima)
  2. Qual tipo violência? (Violência física, psicológica, maus tratos, abandono etc.)
  3. Quem pratica a violência? (Suspeito)
  4. Como chegar ou localizar a Vítima/Suspeito
  5. Endereço (Estado, Município, Zona, Rua, Quadra, Bairro, Número da casa e ao menos um ponto de Referência, concreto e que define um lugar específico)
  6. Há quanto tempo? (frequência)
  7. Qual o horário?
  8. Em qual local?
  9. Como a violência é praticada?
  10. Qual a situação atual da vítima?
  11. Algum órgão foi acionado?

Para saber mais: http://www.sdh.gov.br/disque100/ouvidoria-disque-100

Imagem:

disque_100_1

Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone
Share on FacebookTweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone